Quinta, 28 de abril de 2011, 17h19
Tamanho do texto A- A+


Polícia / EXCLUSIVO

Questão pessoal pode ter sido a motivação para morte de filho de desembargador aposentado

Foi identificado como sendo do empresário Martin Dabul Pompeu de Barros, 48 anos, o corpo encontrado na madrugada de hoje (28) em uma vala no bairro Barreiro Branco, em Cuiabá.


Conforme adiantou o Mato Grosso Notícias nesta manhã, o cadáver de um homem foi visto por crianças, que no caminho para escola, perceberam que havia algo dentro de uma poça d’água. Martin é filho do desembargador aposentado Milton Armando Pompeu de Barros e foi o proprietário da  videolocadora Casablanca, na Capital.


Segundo a Polícia Civil, Martin foi visto pela última vez por volta das 19h de ontem na porta de uma academia de musculação. A caminhonete do empresário, uma S-10 preta, foi encontrada por volta das 10h de hoje no CPA 3, Setor 5. 


A delegada  Anaíde Barros, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), explicou à reportagem que a vítima teve traumatismo craniano, provocado pelo impacto de um objeto contundente. Os policiais suspeitam que ele tenha sido atingido na cabeça com golpes dados com o extintor, que foi retirado do veículo. O cinto de segurança da caminhonete estava travado, o que leva a crer que Martín tenha sido retirado à força. Martín não teria sido morto no local onde o corpo foi encontrado.


Motivação pessoal - A delegada afirmou que, a princípio, a investigação ruma para o desfecho trágico de algum conflito pessoal da vítima. Isso porque, segundo a polícia, as características do crime aparentemente fogem de casos clássicos de latrocínio. A caminhonete da vítima foi levada, mas abandonada poucas horas depois (por volta das 2h, embora tenha sido encontrada apenas às 10h). Alguns talões de cheque e uma quantia de dinheiro também foram roubados, mas nada que indique estes fatos como os motivadores da ação criminosa. "É possível que tenha sido um acerto de contas ou algo relacionado a algum desafeto", disse a delegada. A polícia iniciou as investigações para tentar localizar o assassino.

Atualizada às 17h52



 


AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2018 - Todos os direitos reservados