Sábado, 17 de junho de 2017, 10h01
Tamanho do texto A- A+


Esportes / judô

Brasil ganha ouro e duas pratas no primeiro dia do Grand Prix de Cancún

O Grand Prix de Judô de Cancún continua neste fim de semana com mais brasileiros em ação

Gazeta Esportiva

Clique para ampliar

O Brasil teve uma boa estreia no Grand Prix de Judô de Cancún nesta sexta-feira. Contando com quatro judocas neste primeiro dia de competições no balneário mexicano, o país saiu satisfeito com os resultados conquistados, que incluem uma medalha de ouro e duas de prata. Na categoria até 48kg feminina, Gabriela Chibana subiu no lugar mais alto do pódio, enquanto Larissa Pimenta, estreante na seleção sênior aos 18 anos, ficou com o quinto lugar. Phelipe Pelim, até 60kg masculino, ficou com a prata, assim como Sarah Menezes, na categoria até 52kg.

 

Gabriela Chibana abriu os trabalhos na categoria até 48kg enfrentando a britânica Kimberley Renicks. Depois de aplicar três wazaris na adversária, a brasileira acabou se classificando para a semifinal ao vencer por ippon. Chibana ainda bateu a húngara Eva Cseroviczki, que cometeu duas penalidades, antes de superar a mexicana Edna Carrillo na final com um wazari e garantir a medalha de ouro.

 

Outro destaque na categoria até 48kg foi Larissa Pimenta. Com apenas 18 anos a judoca foi incluída na lista de convocados da seleção brasileira sênior e não decepcionou. Disputando o bronze, Pimenta não resistiu a húngara Eva Csernoviczki, que já havia para Gabriela Chibana, e deu adeus ao Grand Prix de Cancún com um quinto lugar.

 

Phelipe Pelim foi outro judoca brasileiro que saiu do tatame direto para o pódio. O brasileiro venceu Omar Batis, de Honduras, Jorre Verstraeten, da Bélgica, e o britânico Ashley Mcenzie antes de encarar o espanhol Francisco Garrigos. Na decisão, Pelim durou apenas 33 segundos no tatame, sofrendo um ippon.

 

Sarah Menezes foi quem fechou o dia brasileiro em Cancún. Uma das judocas mais tarimbadas do Brasil venceu a croata Tena Sikic na primeira rodada por um wazari, bateu a italiana Odete Giuffrida na fase seguinte novamente por um wazari, mas acabou derrotada pela mexicana Luz Olvera no golden score por um ippon.

 

O Grand Prix de Judô de Cancún continua neste fim de semana com mais brasileiros em ação.



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2013 - Todos os direitos reservados