Quinta, 21 de setembro de 2017, 16h01
Tamanho do texto A- A+


Boca na Botija

Afastamento de Jarbas

OAB-MT vê com preocupação declarações do chefe do Executivo

A Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Mato Grosso (OAB-MT), por meio de nota, demonstrou preocupação sobre as declarações do governador Pedro Taques (PSDB) em relação ao desembargador de Justiça Orlando Perri.

 

Além disso, lamentou as críticas feitas por Taques a decisão judicial que afastou o secretário de Segurança Pública, Rogers Jarbas.

 

Confia a íntegra da nota

 

A Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Mato Grosso (OAB-MT) vem demonstrar preocupação diante das declarações do governador de Mato Grosso, Pedro Taques, que em entrevista coletiva atacou o desembargador Orlando de Almeida Perri.

 

É lamentável constatar que o chefe do Poder Executivo, a pretexto de criticar uma decisão judicial, direito de todos frente à liberdade de expressão, deixe de lado o debate jurídico e institucional e passe a promover ofensas de natureza pessoal em face do decano do Tribunal de Justiça.

 

A democracia impõe respeito mútuo entre os poderes, devendo imperar sempre a harmonia e independência.

 

Necessário registrar que a decisão que afastou o secretário de Segurança Pública do Estado está exaustivamente fundamentada, proferida no bojo de processo judicial, sendo neste âmbito, com a lhaneza recomendada, que ela deve ser contestada.

 

Assim como a OAB-MT vela pela defesa das prerrogativas dos advogados e pelo absoluto respeito à ampla defesa e contraditorio, também se mantém vigilante quanto à necessidade de observância rigorosa da independência dos magistrados, sem a qual o Estado de Direito sucumbe.

Acima dos homens estão as instituições que estes conduzem!

 

Orlando Perri é magistrado com extensa folha de serviços prestados à sociedade matogrossense e vem conduzindo os processos com absoluta imparcialidade.

 

Rememore-se que desde que tomou conhecimento do escândalo dos grampos - assim como dos demais escândalos que assolam Mato Grosso -, a OAB-MT se comprometeu a acompanhar atentamente o caso e assim tem feito.

 

Por fim, necessário registrar que as decisões proferidas pelo desembargador Orlando Perri vem sendo mantidas pelos membros do Tribunal Pleno, de modo que alegar parcialidade daquele, se revela vazio frente à chancela do colegiado maior da Justiça Mato-grossense.
coloca como bocas tbm



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2013 - Todos os direitos reservados